Jardins verticais em área de piscina para se inspirar

Feliz Natal e Um Próspero Ano Novo – R. Jardinagem
22 de dezembro de 2021
Revitalização e manutenção de jardim. Veja-o antes e depois
3 de janeiro de 2022

8 dicas de Jardins Verticais para o seu ambiente

O jardim vertical do escritório Officina di Casa tem aspargos, peperômia, barba-de-serpente, samambaia-paulista, dinheiro-em-penca e lambari. No canteiro à direita, helicônia, aspargo-alfinete, samambaias, peperômia, lambari e filodendros. A piscina foi revestida de pedra hijau da Pali (Foto: Victor Affaro / Editora Globo) 

 

Ótima solução para quintais com pouca área de plantio disponível ou para disfarçar grandes muros, os jardins verticais em áreas de piscina ainda favorecem o relaxamento e promovem o contato com a natureza.

Segundo o engenheiro-agrônomo João Manuel Feijó, da Ecotelhado, as paredes verdes devem ser instaladas preferencialmente em áreas de lazer ensolaradas. Neste caso, as espécies mais usadas são aspargos, lambari roxo, samambaias, singônios, assistácias, tapete inglês e dólar.

Próximo à piscina, é interessante evitar espécies caducifólias que, por perderem suas folhas em determinada época do ano, podem sujar a água e até comprometer o filtro. “Além da escolha das plantas, é importante garantir luz, água, poda e nutrientes”, ressalta o especialista em design biofílico. “Uma alternativa é utilizar um sistema semi-hidropônico, que forneça continuamente água e nutrientes para o jardim vertical”, completa.

Confira oito projetos com jardins verticais próximos à piscina!

1. Com 50 m² de área externa, a arquiteta Ana Cecília Toscano e a designer de interiores Flávia Lauzana, do escritório ACF Arquitetura e a paisagista Michelle Boccalato, do escritório Officina de Casa, tinham a missão de transportar os moradores da Vila Madalena, em São Paulo, para o Rio de Janeiro. Um jardim vertical com aspargos, peperômia e samambaia-paulista acompanha toda a extensão da piscina até o deque de madeira, onde fica um espaço reservado de estar com ofurô.

Área gourmet do escritório ACF Arquitetura com churrasqueira americana Viking Range e revestimentos da Portobello. Em frente à piscina, cadeiras e pufes da Tidelli. No jardim vertical, há barba-de-serpente, peperômia, lambari, samambaia-paulista e aspargo-alfinete (Foto: Renato Navarro / Editora Globo)

2. Nesta casa de 1.400 m² em Bebedouro, no interior de São Paulo, a paisagista Mônica Costa criou um jardim digno de resort, com piscina, área gourmet e lareira. O extenso jardim vertical em greenwall, com samambaia, singônio, aspargo-alfinete e batata-roxa, enquadra a lareira e serve de pano de fundo para a piscina.

No projeto do escritório Ge Carolo Arquitetura, com paisagismo de Mônica Costa, a cadeira de balanço “Rio”, de Oscar Niemeyer para a Etel, convida à contemplação. Um maciço de filodendros traz frescor à piscina (Foto: Keniche Santos / Divulgação)

3. Na reforma desta cobertura de 220 m² na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, assinada pelos arquitetos Bernardo Gaudie-Ley e Tânia Braida, do Beta Arquitetura, o lar ganhou um pequeno terraço com piscina, churrasqueira e jardim vertical. Dessa forma, o casal consegue receber os amigos e dar festas também ao ar livre.

O terraço projetado por Bernardo Gaudie-Ley e Tânia Braida, do Beta Arquitetura, conseguiu integrar churrasqueira, piscina e área social após a reforma. Churrasqueira e coifa da Largrill (Foto: Denilson Machado / MCA Estudio)

4. Uma viagem a Bali durante a reforma do dúplex de 150 m², no Rio de Janeiro, trouxe a inspiração para o cantinho favorito da atriz Isabella Santoni. No projeto do Studio RG Arquitetura, o jardim vertical é irrigado por um sistema de captação de água da chuva. Criado pela Na Mata Paisagismo, a mistura de vegetações tropicais inclui samambaias paulista e mandaiana, costela-de-adão, xanadu, filodendros e aspargos.

No projeto paisagistíco do escritório Na Mata Paisagismo com a Vert Green há um mix de vegetações tropicais, que inclui samambaias paulista e mandaiana, costela-de-adão, xanadu, filodendros e aspargos. No vaso, folhagem de guaimbê (Foto: André Nazareth / Editora Globo)

5. Com orçamento reduzido, a paisagista Juliana Freitas precisava disfarçar o grande muro rente à piscina. A sugestão foi um jardim vertical que apenas emoldurasse a cascata, encaixada no painel de pedra ferro. Os blocos cerâmicos com gerânio branco e vermelho, liríope-variegata, lambari-roxo e hera-estrela ainda cobrem toda a estrutura hidráulica.

No projeto da paisagista Juliana Freitas, a cascata foi encaixada no painel de pedra ferro (Foto: Gui Morelli / Divulgação)

6. Repaginado pelo designer Felipe de Almeida, do Estúdio Felipe de Almeida, este apartamento paulistano de 170 m² é a nova morada de um casal, prestes a se casar. No andar de cima, onde tem uma espaçosa piscina, foi o local da reforma civil de maior intensidade, com a troca de todos os revestimentos e acabamentos. Dali, é possível ver o Parque Ibirapuera e o jardim vertical traz a harmonização visual com a vista.

Conforto foi a palavra de ordem no andar superior neste dúplex reformado pelo Estúdio Felipe de Almeida. As espreguiçadeiras permitem contemplar a vista e o jardim vertical próximo à piscina (Foto: Divulgação / Evelyn Müller)

7. Para suavizar o grande muro próximo à área de lazer desta casa, o escritório Wolff Garden optou por um extenso jardim vertical, executado pela Ecotelhado. A parede ensolarada recebeu singônios, assistácias e liriopes, refletidos pela piscina que funciona como um grande espelho d’água.

Projeto de paisagismo do escritório Wolff Garden com jardim vertical da Ecotelhado leva singônios, assistácias e liriopes (Foto: Divulgação) (Foto: Divulgação)

8. Idealizado pelo paisagista Alex Hanazaki a partir da arquitetura original de Raul di Pace, este jardim ocupa 2.075 m² de terreno com vegetação tropical. O ponto de partida foi o muro de divisa, que ganhou um jardim vertical, executado pelo Movimento 90°, com guaimbês, samambaia amazônica, alpínia e falso-íris. “Repetimos essas espécies no canteiro de um metro de largura, de modo a parecer que as plantas escorrem pelas paredes até a borda da raia”, conta o paisagista.

A R Jardinagem e Paisagismo conta equipe especializada para implementação e manutenção de jardins, além de poda de árvores e remoção. Tudo para que você possa ter acesso a um trabalho de alta qualidade.

Fale conosco e solicite um orçamento:
(11) 9 9714-5533 (WhatsApp)

 

Fonte: Casa e Jardim